domingo, 15 de janeiro de 2017

Vem [minha] bailarina!

Vem minha bailarina deita tua cabeça em meu ombro
Repousa, dorme
Deixa teu sono em mim
Vem minha bailarina toca teu corpo no meu
Nossas peles não cansam de se chamar
Vem minha bailarina se aconchega em mim
Cada pedacinho a repousar
Vem
Dorme, descansa
Esquece o peso do mundo
Deixa o coração suapirar
Vem minha bailarina
Te afago
Te olho
Te acaricio
Cada curva
Cada pedaço acetinado teu
Vislumbro, sorrio, me abobalho
Vem e bailemos no torpor do nosso descanso
Coração com coração
Pele com pele
Sono com sono
Descanso
Vem!
Minha bailarina!

Gabriela Grecco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.