sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Seus cabelos

Minha mão no seu cabelo negro
Afago... afago... enterro meus dedos
Dorme princesa
Repousa leve como a primavera
Minha mão te acaricia devagar
Teu sono eu guardo
Meu sono se foi
E esse gesto de amor me faz escrever, poetizar
Minha mão branca, colorida, desenhada, percorre por entre esses lindos fios
Moldura da face que tanto amo!
E minha mão não se cansa de afagar...

Gabriela Grecco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.