sexta-feira, 18 de junho de 2010

PROMESSAS

Eu não peço que promessas sejam feitas
Mas prezo para que sejam cumpridas
Não peço que palavras saiam da boca
Mas me comovo quando as ouço
Olhares, palavras, toques...
...são promessas ocultas

A promessa de um dia
É a lembrança do outro
É a decepção
É a comoção
Ao mesmo tempo que bom,
É ruim...
Dói, corrói, alivia, preenche, esvazia!

Promessas são...
... o sono que eu perco...
... a fome que se vai...
... a fuga que rege...
...o olhar que atrai!

Não peço que promessas sejam feitas
Mas prezo sim para que sejam cumpridas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.