quinta-feira, 15 de julho de 2010

Sofrimento? Escolha!

Nossa, hoje a manhã foi difícil, aliás, ainda são 9:00 horas, portanto digo que acordar foi bem ruim. Eu sou uma pessoa que detesta muito barulho e bagunça, acordar com isso então é o FIM! Acordei, pra variar, com o CACHORRO DO VIZINHO latindo, latindo e latindo sem parar. E ele por acaso fica no corredor ao lado do meu quarto! Sinceramente não sei como não fica sem voz! Ele late mesmo sem parar, sem 5 minutos de descanso!!! Mas enfim... fui dormir tarde e acordei cedo como sempre!
Outro dia acordei super cedo também, após ter ido dormir super tarde (estou de férias do curso de manhã, por isso quero aproveitar!), pra ir ao médico; que por acaso desmarcou, não conseguiu falar comigo no dia anterior à tarde, mas também não tentou no dia de manhã, nem deixou recado na secretária! Acha que fiquei com raiva? Só tive q gastar mais dinheiro, tempo e sono pra nada!!! Aliás, pra nada não. O Marcos foi comigo nesse dia, daí como sempre eu fiquei enchendo ele pra passarmos na TOK & STOK. Resultado: o de sempre, encontramos um armário que queríamos faz tempo na promoção, custando 4 X menos que custava! Sempre há algo de bom nas circunstâncias!
Essa semana está testando minha paciência de várias formas. Sem problemas, há 4 meses tenho que tê-la muito mesmo! Fiquei um mês de cama, sem andar, sendo carregada, ajudada a tomar banho, fazer minhas necessidade e me vestir, há 3 meses atrás e ainda estou lutando pra ganhar movimentos, equilíbrio e músculos na perna (com muitas dores!); não será uma pessoa que mente pra mim ou um cachorro que me tira o sono que me fará desistir ou que tornará meu dia péssimo. Eu tenho outros pensamentos e prioridades no momento.
Falando de PRIORIDADES, incrível como cada um estabelece prioridades diferentes né? Eu, de uns dias pra cá, tenho visto que faço isso de uma forma errada muitas vezes. Tem pessoas e coisas que não merecem nossa prioridade, cabe à cada um perceber isso.
Como é difícil ver tanta coisa às vezes. Tem pessoas descrentes, que não enxergam tantas coisas e por isso não acreditam. O ar não vemos, mas sentimos e nem por isso ele deixa de existir... e assim por diante. As pessoas de pouca fé precisam ver para crer, por isso veem o que não vale a pena e deixam passar tanta coisa bela! Para mim, o sentir vem antes de tudo, se não os surdos, cegos e mudos não conseguiriam viver. Quando falo desse sentir, não é o sentir material, mas o essencial, o que não dá pra tocar.
Quando percebemos muitas coisas, com frequência nos desencatamos. Mudamos a maneira de agir, de tratar, de lhe dar com situações e pessoas. Infelizmente isso acontece e se desencantar com algo ou alguém é HORRÍVEL, talvez pior do que quando alguém se desencata conosco. Eu particularmente perco o encanto quando vejo muita mentira, falsidade, omissão, joguinho, falta de respeito e educação... essas coisas me tiram do sério! Nossa, não posso deixar de falar da HIPOCRISIA! Putz... me tira do sério legal! Pessos hipócritas não tem uma amizade sincera da minha parte.
Ta certo que quase ninguém gosta disso. Mas acontece que nem todos percebem!
O sofrimento sempre é opcional! Sempre, sempre! Nossas escolhas e a maneira que vemos a vida é que fazem com que tenhamos sofrimento ou não. Eu aprendi que não sou obrigada a aturar certas coisas. Não no sentido de fugir de tudo que é difícil e sofrido, mas no sentido de dar um basta a tudo que me é desnecessário. Por exemplo, estou fazendo fisioterapia e isso me dá dores horríveis; mas minhas dores estarão ali mesmo se eu não fizer e se decidir largar (o que eu jamais faria) continuarei com as dores, mas sem progresso e evolução nenhuma; a DOR pode ser ou não um SOFRIMENTO pra mim! Sim, a dor pode não ser um sofrimento, apesar de ser extremamente difícil! Então, vamos eliminar os sofrimentos, mas não eliminar as situações necessárias.
Bom, eu concluo por aqui com a seguinte reflexão: NÃO VALE A PENA!
Não vale a pena se envenenar por tão pouco todos os dias: pelo trânsito; pelo vizinho; pelas pessoas que cobram, mas não cumprem (hipócritas); pela família que enche o saco; pelo salário que não cai; pelo colega que faz fofoca; pelo outro que não nos dá valor... enfim, são inúmeras coisas que não valem a pena merecer nossa dor de cabeça e sofrimento. Aliás, volto a dizer que NADA DEVE SER SOFRIDO! É difícil? Parece impossível? Sim! Eu consigo fazer tudo ou muitas coisas sem sofrer?! NÃO, mas juro que tento muito! Principalmente depois do acidente que SOFRI.
Espero que todos tenham uma ótima semana e o menos sofrida possível! TUDO DEPENDE DE COMO LHE DAMOS COM AS SITUAÇÕES!

Bom dia!
Gabriela Grecco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.