sábado, 16 de abril de 2011

Tento Compreender

Tento compreender o que talvez seja incompreensível
O que pode ser apenas sentido, por vezes "palpável"

Tento compreender e com isso tento justificar
Nas justificativas me vem a vontade de tentar
A vontade louca de ser menos complicada
O desejo ardente de agarrar com força o belo

Eu tento compreender porque na verdade não quero aceitar
Mas, aceitar o quê? Se nada do que sinto é compreendido!
A aceitação talvez venha com a ação

Eu tento compreender para me desviar
Para me curvar
Para ganhar tempo
Tempo que almejo para meu Ser
O tempo que é uma criação Humana
Mas que parece florecer de dentro de nós

Tento compreender, mas mais que isso tento não sentir
Sentir o que sinto e que meu racional não aceita
Que meu emocional nega
Para o que meu coração se fecha

Eu tento compreender pra fugir, mas até quando?
Quando, enfim, compreenderei intimamente o que se passa com o meu Ser?
Quando terei mais certeza?
Quando vou me livrar de tantas amarras?
Mas, que amarras são essas? Estas ou aquelas? Quais delas o são?

Tento compreender, mas profundamente isso me enlouque
Me faz pirar nas minha insanidades sensitivas e racionais
Por isso, tento sentir mais cada momento
Quem sabe o que cada um me proporciona possa me ajudar a saber mais sobre mim?

Mas eu sinto dizer, que no âmago do meu Ser eu já compreendo
Pois esses momentos me trouxeram a noção do que faz parte de mim
Então quando digo que tento compreender
Na verdade, eu tento fugir do que já compreendi!

Gabriela Grecco
16/04/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.